24 de set de 2013

GAFES NO PALÁCIO - Cláudia Matarazzo

Editora: Planeta
Ano: 2012

Páginas: 206

ISBN: 978857665867
Sinopse: As histórias reveladas no Palácio dos Bandeirantes mostram que o poder é falível, humano e pode ser divertido. Episódios em que os personagens são presidentes, primeiro-ministros e até um imperador e um Papa.
Fonte: Skoob.


Este é um livro bem diferente dos que estou acostumada a ler. Fiquei curiosa por causa do subtítulo: "Micos e saias justas nos bastidores do Poder". Imaginei encontrar histórias sobre gafes cometidas por políticos e figurões brasileiros e estrangeiros. Talvez até a revelação de alguns segredos, fofocas e fatos obscuros sobre os bastidores do poder.

Estava enganada, não é disso que trata o livro. Claudia Matarazzo fala sobre os micos e gafes protagonizadas por ela própria durante os eventos que organizou enquanto Chefe do Cerimonial do Governo do Estado de São Paulo. As histórias são engraçadas e interessantes. Uma das partes mais divertidas é aquela em que ela fala sobre os "bicões", "penetras" que conseguem entrar nos eventos sem serem convidados e se comportam como se fossem íntimos dos convidados. Dei algumas risadas nessa parte.

A autora descreve detalhes da organização de visitas importantes como a do Papa, do presidente dos Estados Unidos, entre outros. Conta como foi a oportunidade de ficar próxima a essas autoridades e algumas curiosidades sobre suas visitas ao Brasil. Também fala da convivência diária com os governadores de São Paulo, José Serra e Geraldo Alckmin.

No final do livro, a autora dá ótimas dicas para quem quer organizar um evento, ela explica todos os detalhes que devem ser observados para evitar transtornos. Eu não imaginava que fosse necessário cuidar de tantos detalhes para garantir o sucesso de um evento. O livro é muito interessante para quem deseja trabalhar nessa área e para aqueles que se interessam pelo assunto.

11 de set de 2013

PRESENTES DA VIDA - Emilly Giffin

Editora: Novo Conceito
Ano: 2012

Páginas: 348

ISBN:
9788563219947


Sinopse: Darcy Rhone sempre teve todos os homens aos seus pés. Tinha um emprego glamouroso, um seleto círculo de amizades e um noivo perfeito, Dexter Thaler. No entanto, tudo mudou quando Darcy se envolveu com o melhor amigo de seu noivo... Seu noivado acabou e perdeu sua melhor amiga, Rachel. Incapaz de assumir responsabilidades e de enfrentar todo esse mal-estar, Darcy foge para Londres, para a casa de um amigo de infância, imaginando que poderia passar uma borracha em tudo isso. Mas, para seu desânimo, Londres se torna um mundo estranho, onde seus truques de sedução não mais funcionam e onde sua sorte parece ter se evaporado. Sem amigos nem família, Darcy precisa dar novo rumo à sua vida e, assim, começa uma linda trajetória rumo ao crescimento e ao amor. Fonte: Skoob.

A história toda é narrada em primeira pessoa pela protagonista Darcy, que nos mostra o seu ponto de vista. Nos primeiros capítulos do livro, ela nos resume sua vida, falando de sua infância e adolescência. Sempre foi uma menina mimada e fútil. Descobriu ainda criança os benefícios da beleza e logo aprendeu a usá-la a seu favor.

Mesmo aos 30 anos, sua personalidade não mudou. Darcy continua preocupada em ser mais bonita que as outras mulheres e ser desejada por todos os homens. Não pensa duas vezes antes de roubar o namorado de uma amiga ou trair seus namorados.

Confesso que não simpatizei nada com a protagonista. Achei-a muito fútil e "burrinha". Preocupada somente com sua beleza e passando por cima de todos para satisfazer suas vontades. Eu estava torcendo para que ela se desse mal.

Tudo estava indo muito bem com Darcy, ia se casar com Dex, um excelente partido, o "homem perfeito". Mas sua vida começa a desmoronar quando ela tem um caso tórrido com Marcus, o amigo do seu noivo, e fica grávida. Darcy termina o noivado e logo depois descobre que seu ex está com sua melhor amiga Rachel.

Darcy fica com muito ódio dos dois porque está acostumada a ter todos ao seu redor e acha que é o "centro do universo". Mesmo estando com seu amante, não está feliz. Logo Marcus a deixa.

Confesso que fiquei torcendo pela felicidade de Rachel e Dex muito mais do que por Darcy. Estava mais interessada em saber a história deles, pena que o livro não fala mais deles.

Só depois de ler mais da metade do livro comecei a simpatizar um pouco com Darcy. Ela aprende muitas lições importantes para a vida. No final, o livro nos passa uma mensagem bem legal.

Recomendo o livro para quem procura uma leitura leve e agradável.