30 de jan de 2013

Sorteio - Promoção "Sambando com Livros"


O carnaval está chegando e nós preparamos uma super promoção para vocês. Se você não gosta de sambar na avenida, venha sambar com os livros junto conosco.
 
Os blogs FulanaLeitora, Livroterapias, Like Books, Diário de uma Sonhadora, Livros de Elite, Meus Livros e Sonhos, Maníaca por Livros, Amantes de Livros e Lendo e Esmaltando se juntaram para fazer o seu carnaval mais feliz. Vamos ver quais livros vão dar samba?
As Vantagens de Ser Invisível, A Culpa é das Estrelas, Quinze dias em Setembro, Tormenta, A Filha da Minha Mãe e Eu, Roubada, Traída, O Farol do Porto da Paz e Cinquenta Tons do Sr. Darcy.
Quer ganhar todos esses livros para alegrar o seu carnaval? Basta seguir as regrinhas abaixo.

Regras:
Ter endereço de entrega no Brasil.
Preencher o formulário abaixo.

a Rafflecopter giveaway
 
Considerações:
O prêmio será enviado em até 30 dias contados a partir da data do sorteio.
Cada blog será responsável pelo envio de seu livro.
O ganhador terá 5 dias para responder o e-mail de contato, caso contrário será realizado um novo sorteio.

Boa sorte!

26 de jan de 2013

A MENINA QUE ROUBAVA LIVROS - Markus Suzak

Editora: Intrínseca
Ano: 2007
Páginas: 480
ISBN: 9788598078175


SINOPSE: Entre 1939 e 1943, Liesel Meminger encontrou a Morte três vezes. E saiu suficientemente viva das três ocasiões para que a própria, de tão impressionada, decidisse nos contar sua história, em "A Menina que Roubava Livros", livro há mais de um ano na lista dos mais vendidos do "The New York Times". Desde o início da vida de Liesel na rua Himmel, numa área pobre de Molching, cidade desenxabida próxima a Munique, ela precisou achar formas de se convencer do sentido da sua existência. Horas depois de ver seu irmão morrer no colo da mãe, a menina foi largada para sempre aos cuidados de Hans e Rosa Hubermann, um pintor desempregado e uma dona de casa rabugenta. Ao entrar na nova casa, trazia escondido na mala um livro, "O Manual do Coveiro". Num momento de distração, o rapaz que enterrara seu irmão o deixara cair na neve. Foi o primeiro de vários livros que Liesel roubaria ao longo dos quatro anos seguintes. E foram estes livros que nortearam a vida de Liesel naquele tempo, quando a Alemanha era transformada diariamente pela guerra, dando trabalho dobrado à Morte. O gosto de roubá-los deu à menina uma alcunha e uma ocupação; a sede de conhecimento deu-lhe um propósito. E as palavras que Liesel encontrou em suas páginas e destacou delas seriam mais tarde aplicadas ao contexto a sua própria vida, sempre com a assistência de Hans, acordeonista amador e amável, e Max Vanderburg, o judeu do porão, o amigo quase invisível de quem ela prometera jamais falar. Há outros personagens fundamentais na história de Liesel, como Rudy Steiner, seu melhor amigo e o namorado que ela nunca teve, ou a mulher do prefeito, sua melhor amiga que ela demorou a perceber como tal. Mas só quem está ao seu lado sempre e testemunha a dor e a poesia da época em que Liesel Meminger teve sua vida salva diariamente pelas palavras, é a nossa narradora. Um dia todos irão conhecê-la. Mas ter a sua história contada por ela é para poucos. Tem que valer a pena.
"Quando a Morte conta uma história, você deve parar para ler"


É exatamente isso: quem nos conta a história é a Morte. Ela nos conta a história de uma menina chamada Liesel e sua paixão pelos livros. A história se passa na Alemanha durante a 2º Guerra Mundial e o domínio de Hitler. Apesar de ser uma ficção, os fatos históricos são reais. A Morte narra para nós a infância de uma menina e as tragédias de um país em guerra.

Liesel cresce em meio à pobreza e ao medo. Convive com a intolerância, a injustiça, a perseguição, a incerteza e a morte. Apesar de conhecer tantas mazelas, também conhece a verdadeira amizade, a lealdade, a compaixão, a cumplicidade, a união, e o amor em família.

Esse livro me fez lembrar do filme "A Lista de Schindler" que assisti há muito tempo atrás. As cenas do filme vieram à minha cabeça em algumas passagens do livro. Para quem não sabe nada sobre a 2ª Guerra Mundial, recomendo que procure conhecer um pouco mais sobre esse fato histórico antes da leitura, pois ajudará a entender melhor o contexto do livro.

O autor escreve de uma forma diferente. Muitas vezes nos dá a "manchete" ou algumas pistas de fatos que vão ocorrer e depois narra os acontecimentos que culminam no fato anunciado anteriormente. Mas isso não tira a graça da leitura, pelo contrário, nos deixa mais ansiosos para saber como vai acontecer. Alguns acontecimentos não são descritos de forma explícita, nestes casos, cabe o leitor imaginar e deduzir o que aconteceu.

"A menina que roubava livros" é uma história forte, perturbadora e tocante. Fiquei emocionada várias vezes durante a leitura. Ela nos faz refletir sobre a maldade humana e sobre os danos causados pelo poder em mãos erradas. O livro nos faz refletir, principalmente, sobre o poder das palavras.

19 de jan de 2013

DIÁRIOS DO VAMPIRO – MEIA-NOITE

Série: Diários do Vampiro - O Retorno - Livro 03
Autor: L. J. Smith
Editora: Galera Record
Ano: 2012
Páginas: 400

ISBN: 9788501091376


Sinopse: Elena conseguiu resgatar Stefan da terrível prisão em que ele se encontrava, mas de volta à Fell’s Church, ele está tão enfraquecido que mesmo o poderoso sangue da amada parece incapaz de devolver suas forças. Já Damon é alvo de uma magia muito poderosa, que o transforma em humano. Disposto a tudo para recuperar seu antigo poder, ele não hesita em enganar os amigos para conseguir o que quer, e nada vai impedi-lo de voltar à Dimensão das Trevas. Enquanto isso, o plano dos demônios kitsune enfim chega ao seu ápice e parece impossível conter o avanço da Última Meia-Noite

No último livro acontece o que todos esperavam: a batalha final. A luta de Elena e seus amigos para salvar a cidade. Além da batalha contra os Kitsumes, Elena continua travando uma batalha interior: escolher entre Stefan e Damon.
Na cidade de Fells’ Church, Elena, Stefan e amigos lutam pela sobrevivência. Damon e Bonnie voltam à Dimensão das Trevas, por culpa de Damon. Elena e Stefan também voltam para lá, unindo-se a Damon e Bonnie, para encontrar uma forma de derrotar os Kitsumes.
Acompanhamos simultaneamente as batalhas na Dimensão das Trevas e na cidade de Fells’ Church.
Não posso contar mais detalhes, para não perder a graça para quem lê. Mas o ritmo dos acontecimentos é intenso, são muitas reviravoltas e surpresas no final. Muitos segredos são revelados.
Não fiquei satisfeita com o final do livro, por causa de um acontecimento que não posso revelar. Quem leu, sabe do que estou falando...
Enfim, para os apaixonados pela série, o livro deixa um gosto de “quero mais”. Agora é esperar para ver a continuação, apesar de não ser escrita pela L. J. Smith, estou curiosa para saber o que vai acontecer.

13 de jan de 2013

DIÁRIOS DO VAMPIRO – ALMAS SOMBRIAS

Série: Diários do Vampiro - O Retorno - Livro 02
Autor: L. J. Smith
Editora: Galera Record
Ano: 2011
Páginas: 448

ISBN: 97885010913609

SINOPSE: Stefan foi capturado por espíritos demoníacos e está preso na Dimensão Sombria, onde rumores dizem que vampiros e demônios andam livremente, mas humanos são mantidos como escravos por seus mestres sobrenaturais. Elena pede ajuda a Damon e, com Matt, vai até lá resgatar Stefan. O problema é que a tensão entre ela e Damon continua aumentando. Qual dos irmãos Salvatore Elena realmente quer?


Damon, Elena e amigos, partem para a Dimensão das Trevas para tentar resgatar Stefan antes que seja tarde demais. Neste livro, pode-se dizer que os protagonistas são Elena e Damon. Stefan praticamente não aparece na história, pois está preso.

Almas Sombrias aumentou ainda mais minha torcida pelo Damon.  Nesse livro ele é gentil, delicado, atencioso... Tudo de bom! Está cada vez mais difícil para Elena resistir aos seus encantos. Não vou contar o final, só posso dizer que tem uma surpresa que me deixou morrendo de vontade de ler o próximo.

1 de jan de 2013

FELIZ ANO NOVO!!!!

 
 
 
Desejo mais bondade, humanidade e educação para todos.
 
 
 
Que nos tornemos pessoas melhores.
 
 
Saúde e paz!!!