25 de nov de 2015

4 DE JULHO - James Patterson

Série: Clube das Mulheres Contra o Crime – Livro 4
Editora: Arqueiro
Ano: 2011
Páginas: 207
ISBN: 9788580410204
james patterson
Sinopse: Lindsay Boxer é uma policial exemplar. Chefe do Departamento de Homicídios da Polícia de São Francisco, a tenente recebeu várias medalhas e menções honrosas durante seus 10 anos de serviço. Ao fim de um cansativo dia de trabalho, Lindsay se encontra com Claire Washburn e Cindy Thomas num bar. As três amigas compõem o Clube das Mulheres contra o Crime, grupo que tenta solucionar os casos ocorridos na cidade. Após alguns drinques, a tenente recebe uma ligação do inspetor Warren Jacobi. Ele acaba de localizar um veículo suspeito, visto na cena de um crime. Em poucos minutos Lindsay está no carro de Jacobi, cruzando a cidade na cola de um Mercedes preto. Depois de uma longa perseguição, a abordagem policial acaba fugindo do controle. Os dois adolescentes que estavam no carro reagem, descarregando suas armas contra a dupla de policiais. A tenente atira em legítima defesa, mas o resultado é uma menina morta e um garoto tetraplégico. Lindsay é acusada, entre outras coisas, de má conduta profissional e se vê num lugar que nunca imaginaria ocupar: o banco dos réus. Será o fim do Clube das Mulheres contra o Crime? A jovem advogada Yuki Castellano conseguirá provar a inocência da tenente? Enquanto aguarda o julgamento, Lindsay decide passar uma temporada em Half Moon Bay. Mas a pacata cidade vem sendo palco de crimes brutais e a polícia parece não fazer nada. Mesmo de licença e fora de sua jurisdição, a tenente resolve investigar os assassinatos, com a ajuda de Claire e Cindy. Para sua surpresa, ela encontra ligações entre aquelas mortes e um caso ocorrido 10 anos antes, que ainda é uma mancha em sua carreira.

Este livro é o 4º da série Clube das Mulheres Contra o Crime e foi escrito em parceria com Maxine Paetro.

Diferente dos outros livros de Patterson, temos uma mulher como protagonista. Mas não é qualquer mulher, é uma policial muito competente e corajosa.

É um suspense policial bom, parecido com vários que li. O diferencial deste livro é que acompanhamos duas tramas paralelas na vida da policial Lindsay: o seu julgamento e a investigação dos assassinatos em série. Boa parte do livro se passa em um tribunal, então, para quem gosta, é um prato cheio. Gostei muito porque a história traz dois elementos interessantes: o julgamento e a investigação dos assassinatos.

Lindsay é uma pessoa de bom caráter, que valoriza as amizades e gosta dos animais. Tem uma cachorrinha e está tomando conta da porquinha de estimação da irmã (essa é a parte fofa da história!). Também tem o Joe, por quem ela é apaixonada. Ele aparece pouco, mas é um cara legal.

Sobre os assassinatos, logo o leitor descobre que não é apenas um assassino, mas sim, três. Desconfiei de várias pessoas da cidade. Acertei dois dos assassinos, mas errei o terceiro. Fui surpreendida com a revelação final!

Gosto quando um livro consegue me surpreender. Acho que todo suspense deveria conseguir isso. Fiquei curiosa para ler os outros livros da série.

18 de nov de 2015

A ESPERANÇA - Suzanne Collins

Trilogia: Jogos Vorazes - Livro 3
Editora: Rocco
Ano: 2011
Páginas: 424
ISBN: 9788579800863
jogos vorazes
Sinopse: Depois de sobreviver duas vezes à crueldade de uma arena projetada para destruí-la, Katniss acreditava que não precisaria mais lutar. Mas as regras do jogo mudaram: com a chegada dos rebeldes do lendário Distrito 13, enfim é possível organizar uma resistência. Começou a revolução. A coragem de Katniss nos jogos fez nascer a esperança em um país disposto a fazer de tudo para se livrar da opressão. E agora, contra a própria vontade, ela precisa assumir seu lugar como símbolo da causa rebelde. Ela precisa virar o Tordo. O sucesso da revolução dependerá de Katniss aceitar ou não essa responsabilidade. Será que vale a pena colocar sua família em risco novamente? Será que as vidas de Peeta e Gale serão os tributos exigidos nessa nova guerra?

Escrevi essa resenha há algum tempo, logo quando terminei de ler o livro. Agora, com o lançamento do último filme da série, resolvi publicar a resenha.

Minha expectativa em relação a este livro era muito grande. Afinal, depois de ler Jogos Vorazes e Em Chamas, estava ansiosa para saber como a autora terminaria a saga do povo de Panem. O que aconteceria com Katniss, Peeta, Gale e todos os outros.

A história toda se passa durante a revolta dos distritos contra a Capital. Katniss passa a ser o Tordo, o símbolo da luta dos distritos pela liberdade. Katniss permanece grande parte do tempo no Distrito 13, onde estão os refugiados do Distrito 12 e onde está o comando da guerra.

A Esperança foi muito mais sanguinária que Em Chamas. Foram muitas mortes; armas poderosas, destrutivas. Armadilhas mirabolantes capazes de aniquilar uma tropa inteira, sem chances de sobrevivência. Durante a leitura ficava me perguntando: como os caras vão colocar isso nos filmes?

O livro nos faz refletir sobre até que ponto uma guerra é válida. Mesmo na luta por uma causa justa, muitos inocentes são mortos dos dois lados. Até que ponto os rebeldes são melhores que a Capital? Pois eles também estão aterrorizando e matando pessoas indefesas.

Depois de uma vitória, são lamentadas todas as perdas, há promessas de que não haverá outra guerra. Até quando as pessoas se lembrarão dessas promessas?  Até quando as pessoas se lembrarão da dor e das vidas perdidas? Será que a ambição humana tem limites?

Meu livro preferido ainda é Em Chamas, mas A Esperança também é muito bom. Estou curiosa para assistir o último filme!
a esperanca

11 de nov de 2015

A 5ª ONDA - Rick Yancey

Editora: Fundamento
Ano: 2013
Páginas: 368
ISBN: 9788539506644


Sinopse: Depois da primeira onda, só restou a escuridão. Depois da segunda onda, somente os que tiveram sorte sobreviveram. Depois da terceira onda, somente os que não tiveram sorte sobreviveram. Depois da quarta onda, só há uma regra: não confie em ninguém. Agora inicia-se A QUINTA ONDA. No alvorecer da quinta onda, em um trecho isolado da rodovia, Cassie foge deles. Os seres que parecem humanos, que andam pelo campo matando qualquer um. Que dispersaram os últimos sobreviventes da Terra. Cassie acredita que, estar sozinho é estar vivo, até que conhece Evan Walker. Sedutor e misterioso, Evan Walker pode ser a única esperança de Cassie para resgatar seu irmão — ou até a si mesma. Mas Cassie deve escolher entre a esperança e o desespero, entre a rebeldia e a entrega, entre a vida e a morte. Entre desistir ou contra atacar

Escolhi esse livro por curiosidade e porque gosto muito de distopias. A leitura foi uma ótima surpresa! Gente, que livro é esse?!?!

A narrativa começa com a jovem Cassie, sozinha, tendo que sobreviver em um mundo devastado e cheio de perigos. Ela precisa sair de seu esconderijo para buscar água e comida. Cassie desconfia que pode ser o último ser humano vivo na Terra, já que o planeta está dominado por alienígenas, que decidiram acabar com os humanos para "limpar" a Terra.

Cassie narra, em primeira pessoa, como o nosso planeta chegou a esse ponto. Essa foi a parte que mais me interessou, pois eu estava morrendo de curiosidade para saber como a humanidade chegou nesse ponto.Tudo começou com a 1ª Onda. A partir daí, uma série de catástrofes dizimou bilhões de pessoas.

Fiquei muito impressionada com a forma como as coisas aconteceram. Me perguntei: se acontecesse de verdade, será que nós reagiríamos da mesma forma?

Mais adiante, vem a narrativa de Zumbi, também em primeira pessoa. Aos poucos o leitor começa a descobrir o que está acontecendo. Para mim, o grande mistério do livro foi desvendar a 5ª Onda, descobrir do que se tratava. Fiquei chocada com a revelação.

A narrativa prende o leitor. Eu não conseguia largar o livro, tinha que saber o que aconteceria em seguida e precisava de respostas. Acho que isso vai acontecer com vocês também quando lerem.

O final é de tirar o fôlego, com muita ação! Estou ansiosa para ler o próximo livro e ver o filme! 

4 de nov de 2015

LUA DE MEL - James Patterson

Editora: Arqueiro
Ano: 2013
Páginas: 224
ISBN: 9788580411249 

 
Sinopse: Linda, sexy e bem-sucedida, Nora Sinclair é desejada pelos homens e invejada pelas mulheres. E sua vida tem tudo para ficar ainda mais perfeita quando seu namorado, o atraente e rico Connor Brown, pede sua mão em casamento. Mas o que para muitos seria o começo do “felizes para sempre”, para Nora é a contagem regressiva para “até que a morte os separe”. Coisas muito estranhas ocorrem às pessoas próximas a Nora, principalmente aos homens que entram em sua vida. E isso acaba despertando o interesse do FBI. Sarcástico, malicioso e implacável, o agente John O’Hara é esperto o suficiente para saber que belas fachadas podem esconder grandes perigos. Se há algo de errado com Nora, ele é o homem certo para descobrir. Mas a primeira coisa que O’Hara vai aprender é que Nora não seduz os homens, simplesmente. Ela os domina. Quanto mais tempo o agente passa perto dela, mais confuso se sente, até já não ter certeza se ainda está em busca da verdade ou se virou prisioneiro de uma atração que pode ser fatal. 

Fazia tempo que não lia algo do James Patterson. Os primeiros livros dele que li foram "Na teia da aranha" e "O Beijo da Morte". Lembro que fiquei bem impressionada com esses livros, são muito bons! Até viraram filmes, com Morgan Freeman interpretando o detetive Alex Cross.

Bom, agora vamos falar de "Lua de Mel", escrito por James Patterson e Howard Roughan. Já tinha visto algumas resenhas não muito positivas sobre o livro, mas mesmo assim quis ler para tirar minhas próprias conclusões. O que posso dizer é que esse livro nem se compara com os dois que citei no parágrafo acima.

Eu diria que é um suspense policial que revela o principal mistério logo no início, mas mantém outros mistérios. A principal pergunta que a sinopse nos apresenta é "Nora é inocente ou culpada?" A resposta vem já nos primeiros capítulos (mas não vou contar para vocês...). Quando li a sinopse, eu imaginava que esse suspense em torno de Nora duraria mais.

O mocinho da história, o detetive O'Hara, não é tão bonzinho assim e é um tanto burro, na minha opinião. Leiam o livro que vocês entenderão porque estou dizendo isso.

Ao longo da leitura, vários mistérios que nos intrigam são revelados. O final foi diferente do que eu esperava. Ainda não decidi se gostei ou não. Mas me pegou de surpresa, pois eu tinha certeza que seria diferente. No geral, o livro não é ruim, mas também não é grande coisa.