20 de jan de 2016

QUE HORAS ELA VOLTA? - Filme

Direção: Anna Muylaert
Duração: 111 minutos
Ano: 2015
Classificação: 12 anos
Gênero: Drama

regina case
 
Sinopse: Depois de deixar a filha no interior de Pernambuco e passar 13 anos como babá do menino Fabinho em São Paulo, Val tem estabilidade financeira mas convive com a culpa por não ter criado sua filha Jéssica.Às vésperas do vestibular do menino, no entanto, ela recebe um telefonema da filha que parece ser sua segunda chance. Jéssica quer apoio para vir a São Paulo prestar vestibular. Com alegria e ao mesmo tempo apreensão, Val prepara a tão sonhada vinda da filha, apoiada por seus patrões. Mas quando Jéssica chega, a convivência é difícil. Ela não age dentro do protocolo esperado para ela, o que gera tensão dentro da casa. Todos serão atingidos pela autenticidade de sua personalidade. No meio deles, dividida entre a sala e a cozinha, Val terá que achar um novo modo de vida.

Assim como leio alguns livros nacionais, também aprecio filmes nacionais. Acredito que devemos dar um voto de confiança às obras nacionais antes de sair falando mal. Concordo que tem muita coisa ruim por aí, mas também há algumas coisas boas. Esse filme foi muito comentado, por isso estava curiosa para assistir.


É um filme muito sensível que trata de um tema delicado: a relação entre patrões e empregados.


A nordestina Val trabalha há muitos anos na mesma casa, onde também mora (no quartinho de empregada). Sempre foi humilde e respeitosa. Praticamente criou o filho dos patrões, que parece gostar muito mais dela do que da própria mãe.


Tudo muda quando Jéssica, filha de Val, vem passar uns dias com a mãe para prestar vestibular. Jéssica estranha o tratamento que as duas recebem na casa. Não se conforma em ser tratada como uma pessoa de segunda classe. Assim começam os problemas de Val...


No começo, fiquei meio irritada com a Jéssica, achei-a muito folgada. Mas depois, comecei a dar razão a ela em alguns aspectos. A patroa de Val é uma nojenta!
 
O pior é que existem muitas pessoas assim, que se acham seres superiores só porque tem dinheiro, e se sentem no direito de maltratar e menosprezar aqueles que trabalham para elas. Gostaria que essas pessoas esnobes e arrogantes assistissem; quem sabem o filme as faria refletir um pouco sobre suas atitudes.


Recomendo para todos. O filme nos faz refletir muito sobre as relações de trabalho e muitas outras coisas.

12 comentários:

  1. Vi quando passou na Globo, e amei!!! No início também fiquei bem irritada com a Jéssica, ela não tem senso não??! Mas também já vi as intenções da patroa da Val.
    Enfim, o filme é incrível e passa uma mensagem linda!

    Beijos,
    www.notavelleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal saber que você também gostou do filme!
      Já visitei seu blog, é muito legal!
      Um abraço!

      Excluir
  2. Estou dooooiiida pra assistir esse filme.

    Tem tudo pra ganhar meu coração!! ♥ Amo esses filmes que me irritam, que me dão ódio de alguém, rs.

    Adorei a postagem!!

    Bjks

    Lelê

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assiste sim, você vai gostar!

      Um abraço!

      Excluir
  3. Oi!
    Comecei a assistir esse filme meio desconfiada, mas acabei amando... ótimo roteiro e interpretações.
    Valeu a pena!
    Beijos!
    Gatita&Cia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também gostei muito das interpretações.
      Um abraço!

      Excluir
  4. Adorei esse filme. Achei a Jéssica muito entrona, mas com o decorrer da história fui percebendo que ela agia assim porque não se sentia inferior por ser a filha da empregada. Tanto que ela não cedeu ao assédio do patrão, mostrando que não estava de olho no dinheiro dos patrões, apenas queria ser tratada como igual. Também achei legal Jessica ter passado no vestibular, provando que ser pobre não é necessariamente ser vítima. Mereceu todos os prêmios.

    http://porquelivronuncaenguica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também gostei quando Jessica passou no vestibular. A cena em que Val conta para a patroa é muito boa!

      Excluir
  5. Oi Leila!
    Ainda não vi esse filme, mas todo mundo que conheço que viu gostou bastante. Eu nem sabia qual era a história, aprendi agora com o seu blog e concluí que preciso muito assistir.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assiste sim! O filme é muito bom.
      Um abraço!

      Excluir
  6. Esse filme parece muito legal! Vi algumas resenhas entre os blogs que visito e todas falando que esse é um livro que vale ver. Fiquei mais curiosa. Infelizmente há pessoas que pensam ter o rei na barriga e nosso país quem manda realmente são os endinheirados.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir

Comente e faça uma blogueira sonhadora feliz!